segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Quando a direita sai da toca - Parte 2 (#Beijaço e #PNDH-3)

Pin It
"Imensa" participação. Talvez sequer tenha atrapalhado a feirinha.

O segundo momento, que comentei no post anterior, tem relação direta com o Beijaço e com o PNDH-3.

Falo dos fascistas (para não chamá-los apenas pelo que devem ser, moleques sem ter nada na cabeça ou o que fazer) reunidos no MASP para protestar contra os direitos humanos, contra o PNDH-3... enfim, contra qualquer coisa que não seja o totalitarismo pregado pelo grupo.

Reuniram-se cerca de 50 indivíduos (números inflados, quando passei por lá, no meio do ato não tinha mais que 20 gatos pingados reunidos) entre Integralistas, Linearistas (Maçonaria), Libertários (sic) e membros do PPS (o que não surpreende).

Integralistas, aliás, devidamente uniformizados, com suas camisas verdes e bandeira emblemática. Tudo com direito à foto oficial e gritos de "Anauê". Difícil era segurar o riso.
 
Saudação nazista... ops, Anauê!

De qualquer maneira, até mesmo os organizadores do grandioso ato (cof, cof) reconheceram, em seu grupo no orkut, o fracasso total do mesmo.
"Que pena. FUi na manifestaçao, tinhanumas 50 pessoas, sendo uns 10-15 integralistas, um cidadao levou um megafone, e o cedeu para quem quisesse se manifestar, ninguém quis e os integralistas pegaram, falaram muito bem! muito bom mesmo, porem uma libertária resolveu que nao estava legal (porque num dos discursos um dos integralistas falou que queria discutir democrativamente até com os socialistas). Daí o negocio fedeu, os libertários queriam brigar com os integralistas, os dois grupos bateram boca, porem os anmos se acalmaram, e os discursos continuaram. 5 minutos depois os libertários ficaram bravos novamente e aí o negócio azedou de vez, os integralistas resolveram ir embora, e foram mesmo. Infelizmente porque até aquele momento tudo ia muito bem, os integralistas levaram bastante folhetos contra o PNDH3 e eu até ajudem a distribuir. Uma pena que a unica manifestacao contra a ditadura lulista consiga juntar 50 pessoas e estes ainda se dividem em pelo menos 3 grupos, um é o que eu estava, o que queria manifestar a favor de sua liberdade.

PENA.

Luiz"
 E, para completar a vergonha alheia:
"Não tinha ninguem naquela merda, pra começar.

Cheguei no horário e tinha os uniformizados de verde. Não entendi o que aqueles caras faziam por ali. Totalmente incoerente.

O primeiro cara que falou, começou a falar merda. Acho que era do PPS. Depois os integralistas falaram.

Foram boas as falas contra o governo ditador e contra o PNDH. Depois disto começaram a falar de soluções pro Brasil. E os integralistas quiseram falar em causa própria. O manifesto visava o PNDH e não outros assuntos.

Minha namorada, a libertária (mentira porque ela é minarquista) que se revoltou, quis apenas que não se desviasse o foco da manifestação.

Eu cheguei a fazer um discurso também. Falei a favor do indivíduo e contra as panacéias de povo, estado, pátria e outras loucuras pronunciadas no evento.

Num certo momento os integralistas foram bem infelizes de falarem coisas totalmente ridiculas como "filho de bandido vai ser bandido" e que "prostituta não tem dignidade e integridade". Eu gritei: Mentira! Foi aí que eles ficaram putinhos e foram embora. com isto o pessoal desistiu de continuar fazendo papel de idiota e fomos todos embora."
Resumo da ópera: Fracasso da direita, sucesso dos defensores dos Direitos Humanos. Aliás, mais uma coisa boa se tira disso tudo, descobri uma palavra nova e também que a direita consegue ser mais burra do que esperamos: "Minarquismo". Procurem na wikipedia e riam um pouco.



No Centro de Mídia Independente, ainda mais vergonha alheia, em Manaus foram 7 os reunidos para protestar contra o PNDH-3.
Símbolo de um passado que não queremos de volta. Ódio, intolerância e supremacismo.
 
Como experiência pessoal posso dizer que fui até o ato da direita, era umas 4 da tarde mais ou menos e, atrapalhando a feirinha do MASP, lá estavam os direitosos reunidos, poucos, gritando, quase se esgoelando no megafone e acusando o Lula disso, daquilo... Uma ladainha sem sentido, deslocada e que causou confusão mesmo entre os presentes.

Não passavam de 20 pessoas, uns uniformizados, outros - do PPS - provavelmente até com vergonha de se identificar. Quando ia me dirigir ao Beijaço, ainda me segurando para não rir depois do "Anauê" gritado com vontade pelos Integralistas presentes com roupinhas feitas pela mamãe, fui interpelado por uma garota presente no ato, com máquina em punho e fotografando os possíveis inimigos de deus e da pátria, que me perguntou se eu os apoiava. Disse, obviamente que não, que era um dos organizadores do Beijaço, no que ela me perguntou se eu não queria debater com eles o PNDH-3 e etc.

Resposta óbvia: Não! Pedi que ela me desculpasse, mas eu não tinha o costume de debater com quem, de início, defendia ditaduras, com quem era contra os direitos humanos e defendia doutrinas intolerantes e de ódio. Segui, então, para o ato, junto com a @Mariana_Parra, que sequer olhou para a cara da infeliz.

Antes: "Fascismo é coisa de Comunismo"

Mas, aparentemente, alguns "libertários" não ficaram satisfeitos e foram atrás de nós e, quando nos reuníamos com o pessoal da E-Sampa no local do ato, um rapaz (com a camisa escrita "Fascismo é coisa de Comunismo", mas do avesso para fingir tolerância e vontade de diálogo) e uma garota apareceram para perguntar novamente se queríamos dialogar.
Depois: De camisa "nova" para tumultuar. Engraçado, falta de segurança para defender sua ideologia? ou ele achava que os "viados" iriam bater nele?

Opção rechaçada. Íamos fazer nosso ato e se eles quisessem participar seriam bem vindos, mas que não nos atrapalhassem e nos respeitassem, como fizemos com o ato deles.

Enfim, assunto resolvido, conseguimos realizar um belo ato, com ampla - infelizmente tendenciosa - cobertura da imprensa e que será objeto de postagem posterior.

Por fim, apenas uma nota mental. Vale notar a alegria dos presentes ao beijaço apenas pelas fotos divulgadas pela imprensa. Risos, conversas, alegria, a defesa do ser humano, dos nossos direitos... Em contraposição ao ato da direita: Tenso, violento com a exigência da negação dos direitos humanos à população, ódio estampado! Não precisa dizer mais nada, né?
------
Comentários
40 Comentários

40 comentários:

AF STURT disse...

Libertários contra o plano nacional de direitos humanos?

Não entendi...

Doo disse...

Não são libertários de fato, são anarco capitalistas... Se isso parece incoerente é porque você não leu textos deles... Incoerencia tem outro patamar depois disso.

Beijasso foi bem legal. É uma pena que pelo menos metade do pessoal que estava apoiando se reprimiu por causa das cameras fotograficas. Era incrível a quantidade de pessoas que se beijavam ao redor, mas não dentro do ato em si... Adorei conhecer um pessoal no ato anyway.

Sobre o manifesto dos integralistas... MANO, voces ouviram o que o cara tava vomitando no megafone? "Antes de ser presidente o Lula ganhava um salario minimo"? Que isso? De onde ele tirou essa informação? Evidentemente ele desconhece seu próprio inimigo... tsc tsc.

Gogo PNDH-3!

Raphael Tsavkko Garcia disse...

"Libertários" aos moldes dos EUA... Só podia ser esta piada! Vai ver eles acham que os Direitos humanos, sem a presença do Estado, serão garantidas pelas multinacionais e pelo capitalismo livre... Só rindo!

Anônimo disse...

Para AF STURT, os libertarios estão contra esse Plano Nacional de Direitos Humanos pois o partido esta totalmente PRO LIBERDADE e a PNDH-3 esta PRO a CENSURA.

Para o Administrador do Blog, aproveite enquanto o PNDH-3 não esta em vigor, pois esta "liberdade" que você tem para falar o que quer, pode não existir mais.

Pense nisso.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

É, realmente... Bom Anarco-Capitalismo pra você, caro "Libertário".... Quel tal citar e embasar os pontos em que existe censura no PNDH-3? Ou vocês só se limitam a gritar e a citar o Reinaldo Azevedo?

Anônimo disse...

libertários não são da direita. são a favor da liberdade individual e da liberdade economica, o que nao os classificaria nem como esquerda, nem como direita.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Liberdade individual (individualismo) e liberdade (sic) econômica (Capitalismo) são características da direita. Gente, qual o medo do povo de direita de simplesmente admitirem sê-lo?

Anônimo disse...

Não sabia disso. Pra mim (e pro diagrama de Nolan também), a direita é a favor da liberdade econômica, porém sem direitos individuais...

Raphael Tsavkko Garcia disse...

É... Os libertários são o limbo político então! Que curioso! Defendem teorias mais esdrúxulas até do que imagine!

Fernando Romano Menezes disse...

Bom pra saber, também, o tipo de mentalidade de um militante do PPS hoje. Os caras chegaram ao ponto de fazer coro com meia dúzia de galinhas verdes... é uma piada, mesmo. "Popular Socialista"? Me engana que eu gosto. Roberto Freire trocou de ideologia como quem troca de roupa e quer levar todo mundo junto.

E o PV vai pelo mesmo caminho. Pode esperar.

Anônimo disse...

Mano, os caras usam a camiseta verde dentro da calça com cinto! Não precisa de mais nada pra ter meu desprezo...haha

Rafa

fabio disse...

esse post me valeu o dia.

abração

Felipe Amaral disse...

Só uma coisa a dizer: eu não acredito que o integralismo do Plínio ainda subsiste,kkkkk. O fascismo tupiniquim num ato a favor da liberdade. A piada já vem pronta. Era o o de se esperar.

quantotempodura disse...

Bonita a manifestação. Mostra a enormidade e união da direita brasileira. Devem ter se organizado pelo twitter

Anônimo disse...

Rafael, não entendo seu problema com o "individualismo". Aliás, se você defende tanto os "Direitos Humanos" como diz, deveria entender que esses direitos só podem existir em relação aos indivíduos, não a qualquer coletividade abstrata que você construa.

Karl Popper já alertava para a desonestidade intelectual que é misturar individualismo com egoísmo, assim como coletivismo com altruísmo.

Curioso é que os defensores do 3° PNDH estão muito mais próximos dos Integralistas (pois é, eles existem, infelizmente) do que imaginam. Os ultra-nacionalistas defendem a supressão do indivíduo em nome da "pátria". Vocês, amigos do Vanucchi, defendem a supressão do indivíduo em nome de um outro ente coletivo abstrato, ou, pior em nome do Estado. Até Platão era mais democrático e humanista do que vocês.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Meu problema com o "individualismo" é que ele é egoísta. O indivíduo deve sempre ser preservado mas NUNCA frente ao coletivo. Um raciocínio pueril é o dos carros versus ônibus. É um absurdo que o direito de um indivíduo de ter carro seja mais importante e mais visível e respeitado (pelo menos em São Paulo) que o de todo um coletivo que usa ônibus e sofre com o descaso.

O indivíduo não pode se sobrepor ao coletivo jamais. Deve ser preservado, claro, mas ñ em detrimento de outros.

E, sim, os direitos humanos tratam do indivíduo, mas tem por base direitos igualmente coletivos, de minorias, de grupos organizados. As duas coisas não se separam.

Não defendemos qualquer supressão do indivíduo, apenas defendemos que direitos de minorias devem ser respeitadas, como o dos gays, das mulheres... O direito da Globo não pdoe ser maior que o direito dos brasileiros, o direito da Veja mentir não pdoe estar acima da verdade e da justiça.

Simples assim.

Anônimo disse...

Raphael, por que não debater?
E mais: não misture as coisas. Seja honesto. O rapaz do PPS, por exemplo, mostrou sua posição clara que era oposta a dos integralistas. Infelizmente voce não acompanhou nem metade do ato e nao tem porque misturar informações.
Anauê!

Anônimo disse...

Sr Garcia,
Também somos (integralistas) contra o individualismo. E não contra o indivíduo, claro. Este não pode ser o centro do mundo, mas deve ser preservado.
Isso faz de nós marxistas (como aparentemente o senhor é)? Ou faz o senhor ser Integralista?
Claro que não.
Então não misture as coisas, amigo.
Pelo Bem do Brasil!
Anauê!

Jordana. disse...

N entendo pq vcs n quiseram debater ou conversar conosco - qual o problema? Falam de nós com tanto horror e desprezo, mas fomos educados com vcs e, se querem saber, talvez tenhamos errado em falar contra o PNDH: ´pq n somos contra todo ele, mas contra alguns pontos q consideramos fundamentais os quais esclarecemos o tempo todo lá. N sou fascista, nem direitista, nem esquerdista - n acredito mais nessas nomenclaturas, há muito q perderam o sentido em nosso país. Tb n sou homofóbica, nem racista - apenas contra o tolhimento de nossa liberdade (NOSSA LIBERDADE, ENTENDEM?). Sim, éramos poucos, mas isso n importa, defendemos o direito de nos expressar - e temo q corremos o risco de perdê-lo. Eu protestaria com 3 ou 4 pessoas, n vejo vergonha nisso. N atacamos vcs, então n compreendo pq nos tratam de um modo tão agressivo, nos rotulam sem sequer ter nos dado audiência, n nos conhecem. Havia lá integralistas? Sim, somos a favor da democracia e ela implica q todos tem o mesmo direito de se expressar. Lamento por td q li aki - vcs falam em ódio, mas o q demonstram por nós? N lhes fizemos mal, pelo contrário, buscamos o diálogo e fomos rechaçados. N vejo sentido nisso, nem necessidade. Uma pena.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Aos anônimos que gritam "Anauê", o que de início merece uma gargalhada, me pergunto e pergunto a vocês, porque "anônimos"? Vergonha por defenderem uma ideologia totalitária e de extrema-direita e que já deveria ter sido extinta há décadas?

A Ditadura Vargas - que vocês apoiaram e depois se ferraram - manda lembranças!

Jordana: Simplesmente porque nosso ato não era um debate era.... um ATO! Um beijaço!

Não era uma mesa para se debater pontos de vista, especialmente porque, pela sua ideologia, não tinha discussão. Vocês se opõem aos direitos das minorias, aos direitos das mulheres, dos homossexuais e dos movimentos sociais, debater o que?

Quanto à "nomenclaturas", leia Bobbio, vale à pena.

E, a vergonha em si não era sequer a quantidade pífia - ainda que isto já configurasse alguma vergonha - mas a bela (sic) aliança com Integralistas e com o PPS, que mostrou sua cara finalmente!

No mais,, falamos em ódio, o que não quer dizer que nós vamos compactuar com tudo e todos, mesmo com ideologias de extrema-direita que defendem um capitalismo exacerbado e a inexistência prática do Estado. Tudo nas mãos de forças repressoras e do capitalismo. Isto é uma violência contra o povo e contra os Mov. Sociais que combatemos desde sempre.

Bruno disse...

Posição do Libertários quanto aos direitos sexuais:

"A questão:O Governo presumiu que deve decidir sobre o que é ou não aceitável em práticas sexuais dentro dos relacionamentos pessoais, impondo um código particular de moral e de valores morais, retirando a escolha pessoal nesses assuntos.
O Princípio: Adultos têm o direito a fazer sua escolha privativa em atividades sexuais consensuais.

Soluções: Propomos o fim a todas as tentativas do Governo de ditar, proibir, controlar ou encorajar qualquer estilo particular de vida, de união de pessoas ou qualquer relação contratual.

Ações transitórias: Repelir leis e políticas existentes que visam condenar, afirmar, encorajar ou negar estilos de vida sexual, ou quaisquer conjuntos de atitudes com relação a esses estilos de vida."

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Bruno: Posição correta e incorreta ao mesmo tempo. O gov tem o direito e obrigação de coibir coisas como a pedofilia e a zoofilia que abusam de crianças e animais. E, da mesma forma, cabe ao gov defender os interesses das minorias - LGBT's em especial - e garantir a segurança e a liberdade de seus membros.

Este papinho de que o Estado é mal, é bobo e feio é simplesmente ridículo. Quem vai garantir direitos? As empresas transnacionais? Só rindo mesmo!

Jordana disse...

Rafhael:
Como pode dizer q sou contra os direitos das mulheres? E dos homossexuais!! Havia homossexuais entre nós e q tipo de mulher luta contra seu próprio gênero?? Q minorias vc n vê, entre nós, representada?
Concordo, Bobbio vale à pena, conheço e cont. n acreditando mais em direitas ou esquerdas. N no Brasil. Somos o país mais miscigenado do mundo e essa é nossa principal qualidade, o q sei q nem todos concordam mas n faz mal: n temos q concordar em tudo. Sou mulher e, como quase todos no país, tenho no sangue uma salada do q se costuma chamar de raças - o engraçado é q já se provou q todos viemos da mesma raça. N tenho razão prá qq tipo de preconceito mas já sofri a ação dele, n só de gênero mas por me dar "ao luxo" de dizer o q penso. Então, Raphael, peço o mesmo de vc: q me respeite e aos outros. Vc nos acusa de coisas absurdas e sequer nos conhece. Já te disse q somos contra "alguns" pontos do PNDH; e vc? É a favor de td q está alí? E pq não o debate?? Como se pode falar em democracia sem debate? Há coisas alí tão delicadas q seriam discutidas antes de ser votadas em qq lugar do mundo. Aki se vota uma coisa dessas sem ler...
Vc citou Bobbio sem ler? Claro q não. Então deve ter lido o PNDH inteiro, imagino. Fez o q nosso Presidente n fez, meu caro. Então akele homem se importa com vc? Ou comigo? N se importou nem nos respeitou como cidadãos. Então sejamos melhores d q ele e tratemos de nos importar uns com os outros. Ohhhh... estou sendo ridícula de novo?? N me importo de ser ridícula, nem de protestar ou debater com 3 ou 4 ao meu lado: desde q eu lute por akilo em q acredito, nisso vejo honra.
E já q vc lê sujeitos tão legais, me diga q nome tem alguém q acusa outros sem provas, depois de se negar a conversar, e difama os mesmos sem q te tenham feito nada?
Meus amigos gays - q estavam lá no domingo - teriam te saudado, n tivessem sido acusados de fascismo e totalitarismo... e o q mais? Ah, sim, de direitistas, homofóbicos, racistas e daí ladeira abaixo. Lembra de "As bruxas de Salém"? É sempre bom lembrar q pessoas, em vários momentos da história, morreram inocentes, acusadas de coisas sem provas, das quais n puderam se defender. Aki ainda podemos debater - meu terror real é o risco d n podermos mais.
Se é tão inteligente, devia conversar antes de julgar. N somos inimigos. O q vc faz seria infantil e irresponsável, n fosse vc já adulto. Lenin disse: "acusa o teu inimigo dakilo q fazes." Vc me jogaria numa vala comum, acusada de montes de coisas sem provas.
Quero crer q n existe esse momento: quero crer q é só uma brincadeira de mal gosto. Pq me acusa de fascismo? Vá ler no dicionário o q significa. O fascista aki tem sido vc.

Bruno disse...

Raphael,
Releia o seguinte trecho: "atividades sexuais consensuais."
Ninguém pode ser forçado, como o que acontece num estupro ou pedofilia.
Libertários são guiados pelo princípio da não iniciação de agressão, é ilegítimo praticar agressão contra não agressores.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Jordana: O que mais existe é mulher machista no mundo.

O que ser miscigenado tem a ver com direita e esquerda? Me desculpe, mas eu sou de Esquerda, não sou de centro ou de direita e, pela minha experiência, quem tem medo de admitir o lado que está é porque é de direita. E os libertários são extrema-direita.

São contra algusn pontos... mas se juntam com Integralistas e a corja do PPS pra protestar contra... o PNDH-3? se são contra ALGUNS pontos porque protestam contra todo? E com tais alianças?

E, sim, sou a favor de TODO o PNDH-3, a íntegra. Não vejo qualquer censura, apenas a ação do estado sobre - no caso da Imprensa - concessões públicas em caso de desrespeitos aos DH. Nada está acima dos DH, nem mesmo o suposto direito dos evangélicos e católicos de serem homofóbicos.

Ou respeitam ou vão pra cadeia e perdem seus canais de tv, rádio... É meramente questão de respeitar o outro ou pagar por fazer o contrário.

E dizer que o presidente não leu o PNDH-3 é má fé. Veja um post anterior meu sobre a Campus Party em que entrevisto o Sec. Adjunto da SEDH e que ele afirma que o presidente leu todo o PNDH-3. Acredito mais nele q em Veja ou Folha de fichas falsas e Ditabranda!

E, de qualquer forma, de que interessa o Lula neste caso? O PNDH-e não foi criado por ele nem pelo governo, mas pelos movimentos sociais! É isto que importa. Foi debatido por anos e anos, em vários congressos nacionais e regionais. É o resultado da vontade de quem quis participar e se somar.

No mais, dispenso as acusações. O espaço aqui é aberto e democrático e você tem o direito de falar, mas não ia atrapalhar nosso ato, isto é fato.

Thiago Beleza disse...

A direitista-integralista-libertaria-dos-infernos:

Antes de falar em agressividade e ódio, abra os olhos pro mundo. A comunidade pobre, que vive longe (lá onde não da pra ver da varanda do seu AP nos jardins), negros, a comunidade GLBT sofre diariamente com discriminaçõ e violência. Quando se faz uma manifestação para apoiar que ações contra estes (e qualquer outro) grupos sociais sejam criminalizadas (oficialmente), vc's vêm com um papo louco, sem sentido e exdrúxulo de que o PNDH é contra liberdades individuais? Que liberdades? A liberdade de torturar, espancar e agir do modo que vc's queiram?
Isso não pode ser inocência... é arrogancia, que por sua vez é causada pela burrice e com gente burra não tem conversa.. não tem debate inteligente... Seus argumentos são falhos... e é por isso que sentimos vergonha alheia.. pq não se disserta sobre o que nao se conhece, pra não correr o risco de falar merda... Sai da sua sala de estar, desliga a TV e rasga a VEJA.. vai pra rua... vai ver o mundo.. e daí, talvez, vc tenha uma idéia do que é a realidade...

A liberdade q vc's tanto anseiam é negada por padrões criados por sua própria gente, hipócrita, que odeia gays e prostitutas e a noite busca travestis e mulheres de programa.... Pela sua própria gente que critica a corrupção e enriquece as custas da sonegação de impostos... é essa a liberdade que vc's querem?

Por favor...

Bruno disse...

Segue análise crítica de um libertário a alguns pontos do PNDH-3.
http://www.libertarianismo.com/index.php/textos/artigos/974-nao-ao-pndh-3

"(...)sua fazenda é invadida e a prioridade não é a retirada e a punição dos invasores, mas sim uma audiência coletiva(...)"

Thiago Beleza disse...

Bruno... raciocínio cara... bota essa cabeça pra funcionar...para de repetir o que vc escutou no jornal ou dos seus amigos mais inteligentes que vc...

è fato que vc's, privilegiados pelo sistema em que vivemos, querem garantir a manutenção deste privilégios... Mas não da pra esquecer que a maior parte da população vive fora destas regras, não (diretamente) por culpa de vc's, mas essa é a lógica do sistema capitalista.. o acúmulo de terras gera a escravidão dos mais pobres.. o desemprego gera baixos salários... e assim por diante...

É difícil debater com vc's pq tudo que sua gente sabe fazer é olhar para o próprio umbigo...não há reflexão séria... e é por isso que as coisas que vc's dizem são sem sentido...

O texto do seu amigo supõe que é injusta a distribuição de renda pq ele não precisa de distribuição de renda... supõe que qualquer ação pra diminuir a desigualdade é injusta.. mas injusta pra quem? Pra maioria das pessoas? So se for a maioria das pessoas que ele conhece...é injusto pq tira sua gente do patamar de superiores... imagina, terminar a faculdade de engenharia (paga pelo papai) e receber ordens de um favelado que chegou lá por conta própria, mesmo com todas as dificuldades existentes no caminho...

Enquanto vc's forem incapazes de olhar além da janela insufilmada dos seus automóveis, vai ficar difícil fazer um debate coerente com vc's....

JA disse, saiam pro mundo.. abram

Thiago Beleza disse...

Abram a cabeça.... deix de preguiça e pensa um pouco...

Anônimo disse...

Políticas assistencialistas mantém os pobres na miséria e impedem a mobilidade social com base na meritocracia. E para os governantes isso é ótimo, já que podem indiretamente comprar votos e continuar no poder, além de aumentar o tamanho do estado e conseguir benefícios em causa própria. Esse tipo de política só tem efeito no curto prazo mas o que acontece de verdade é que quando você sobretaxa os indivíduos, e toma sua propriedade legitimamente adquirida, o setor produtivo perde força, e consequentemente os trabalhadores perdem empregos e renda. O governo não é capaz de construir riqueza, ele é o maior destruidor de riqueza. Eu recomendaria alguns livros de economia básica, mas parece que vocês só sabem ler marx aqui...

Bruno disse...

Thiago,
Então invasores de terras e propriedades não devem ser punidos? Eu acredito que todo ladrão deve ser punido.

Thiago Beleza disse...

Ridículo é usar argumentos nos quais você não acredita (povo, igualdade social, etc) pra justificar o seu medo de perder seus privilégios.

O governo está sob um regime econômico capitalista... esta é a razão dos problemas. A desigualdade é conveniente pra sua gente, afinal, se todos tiverem acesso a universidade (mesmo que por meritocracia) quem vai servir o cafezinho de vc's? cuidar de seus filhos? lavar suas roupas? limpar suas casas?

COncordo que o assistencilismo não vai mudar a vida das pessoas, mas o sistema capitalista tampouco pretende fazê-lo...e no fim das contas, o que o governo poderia fazer? Pra acabar com o assistencialismo só uma reforma profunda, o que causaria a fúria de latifundiários e outros exploradores do país...


É impossível discutir problemas históricos com pessoas que se recusam a estdar história.. a reconhecer a história...


Em tempo, Marx era economista...




A diferença

Thiago Beleza disse...

Bruno, o seu conceito de ladrão é complexo... no fim das contas, quem é punido pela nossa justiça??? Em seu sistema ideal, nós, os pobres, só servimos pra cumprir um papel secundário na sociedade e qualquer tentativa de rompimento com esse ciclo é reprimida na porrada... não temos direitos...

Enquanto isso, empresários enriquecem com contrabando, sonegação (que tbm é crime) mas continuam gozando dos mesmos privilégios...

No seu sistema, todo ladrão, pobre, preto e favelado, tem que ser punido...é essa a igualdade pela qual vc's lutam? Suas reivindicações são ridículas justamente pq, no fundo, tudo o que vc's querem é continuar espancando motoboy, pedreiro, empregada doméstica, prostituta e travesti, e sair ileso, afina, vc's não são bandidos...

Isso, meu caro, não da pra aceitar...

Anônimo disse...

Socialismo: http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=563
Capitalismo: http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=561

Bruno disse...

Entendi Thiago,
você realmente é a favor que pessoas roubem propriedades justamente adquiridas por outros indivíduos.
Vou parar a discussão por aqui, não dá pra discutir com quem é a favor do roubo.
Um Abraço!
espero que leiam os artigos dos links que o anônimo deixou aqui em cima.

Mateus Nascimento disse...

"Então invasores de terras e propriedades não devem ser punidos? Eu acredito que todo ladrão deve ser punido."

Isso não serve pra invasão, isso só vale para OCUPAÇÃO, o que é bem diferente, a ocupação só acontece quando o dono da terra já INFRINGIU a lei (usando trabalho escravo, ocupando terras devolutas, terras públicas, etc...).

Se o dono da terra já infringiu a lei (como por exemplo no caso do Daniel Dantas) quem está defendendo ladrão aqui são vocês.

Doo disse...

Mal ter abdicado das discussão. Volto com alguns pontos:

Bruno - Deixa eu ver se eu entendi o seu "libertarismo". Você é contra a ação governamental no caso de prática de homofobia ou que talvez o estado não deveria legitimar a união homossexual num Estado onde a cultura religiosa discrimina ofensivamente as uniões destes indivíduos, MAS ao mesmo tempo você é a favor dum Estado quando há a necessidade de garantia da propriedade? Me desculpe, mas não me venha me falar que você não é de direita.
Gostaria de citar Chomsky ao senhor libertário que le Popper (sic [sim, eu ja li o suficiente para legitimar o sic ali atrás]) e dizer que o anarquismo tem costar largas. Assumam-se como Anarco-Capitalistas e não se escondam sob uma definição genérica que pode confundir vocês com anarco-individualists, anarco-sindicalistas ou anarquistinhas de fim de semana.

Jordana: pode negar, mas as definições de ideologia entre esquerda e direita são claras. Todos os gritos de ordem emitidos pelos integralistas em seu manifesto demonstravam evidentes preconceitos e desinformações relativas ao que de fato consta no PNDH-3 (a iniciar pela "culpa" do presidente lula se as diretrises do programa foram oprganizadas durante o mandato do FHC).
Além disso, sua critica sobre o presidente ter lido ou não pouco importa. O texto está aberto e sendo discutido publicamente. A defesa ou não do programa independem das posições ou conclusões que qualquer politico tenham sobre ela.

Até agora não ouvi um argumento real que nos aponte onde está a censura no texto do PNDH.

E acho engraçadissimo que nos critiquem por não estarmos debatendo se estamos aqui além dos diversos textos do rafa. Sempre deixamos claro nossas opiniões. Isso não significa que sejamos obrigados a desviar nossa atenção do ato para debater.

Mais argumentos, menos retórica.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Esse papo de meritocracia é uma graça... Merotocracia do cara q papai pagou colégio e faculdade e arranjou emprego pro filhinho. Vai ver meritocracia na favela, pra quem estudou em escola pública, teve parentes presos e mortos... Vai ver onde entra o mérito!

Esse povo que repudia o Estado o faz porque não precisa dele... Ou porque este Estado os impede de cometer ainda mais barbaridades. Já o pobre, que se dane, se "eu" consigo, porque eles não?

Pensamento mesquinho, intolerante, preconceituoso e absurdo.

Agora tira o papai, a grana garantida, o carro do ano, a casa nos Jardins e vá ver sua meritocracia onde vai estar.

Quanto aos invasores de terra, porque a Cutrale, que roubou terras do Estado não sofreu nada? Na verdade foram os Sem-Terra os perseguidos e presos! Neste país só o pobre é preso. Ladrão que rouba continua no poder, continua com suas terras. Latifundio improdutivo, terra roubada do Estado... É isto que os Libertários (sic) defendem. Quem tem as armas que domine, e o Estado que fique quieto!

O problema é que o Estado atrapalha a bandalha completa dos Libertários (sic).

Vai ser libertário morando na favela ou vivendo na merda no campo, como vivem os sem-terra! Aí venha conversar sobre "liberdade".

No mais, este Bruno é engraçado... Os sem-terra estão roubando porque invadiram uma propriedade que havia sido roubada antes, só que do Estado? Ah, mas o Estado é uma merda, né?

Lamentável!

rodrigoguedes disse...

Integralistas? Anauê?

Tem certeza que estamos no Século XXI?

Pensei que todo essa escória fascista já tinha ficado para trás... Brasil über alles...

Quando é que esses dementes vão acordar?

Yohaan disse...

Quem sai às ruas para defender o PNDH3 em nome de minorias organizadas SEMPRE esquece da menor de todas as minorias: o indivíduo.

Os homens, antes de serem classificados por raça, culto, classe, opção sexual, etnia, são indivíduos, com suas particularidades, singularidades. Querer colocar qualquer tipo de abstração como as citadas acima na posição de definidoras do que é uma pessoa é dar o primeiro passo para permitir que se sacrifique o indivíduo em nome do "todo".

O Estado tem uma função clara: defender o indivíduo e seu direito de livre-expressão. Isso é completamente diferente de criar cotas, estipular padrões segregatórios e controlar a opinião.

Eu sou ateu, acho deus uma bobagem infantil e penso que o Edir Macedo existe apenas para roubar o dinheiro de inocentes úteis. No entanto, sou incapaz de querer censurá-lo acusando-o por mentir, por enganar. Por quê? Oras, ao contrário de Vannucchi, eu não sei onde está a "Verdade" absoluta nem quero impô-la a ninguém. Exatamente por não poder afirmar o que é "certo" e o que é "errado" per se, creio que a única postura verdadeiramente humanista seja ampliar a livre-expressão, deixando mesmo que Integralistas e homofóbicos se pronunciem. Proibí-los é abrir uma brecha para que toda opinião divergente, ou que fuja do "bom-senso" autoritário seja reprimida.

As idéias ruins devem ser vencidas por idéias, não pelo uso degenerado da Lei. As vitórias do movimento LGBT ocorreram por uma mudança nas idéias da sociedade, não por conta da repressão.

Saudações.

Postar um comentário