sexta-feira, 19 de junho de 2009

Telefónica punida: Milagre em curso! [Update]

Pin It
Estamos prestes a ver um verdadeiro milagre acontecer! Na verdade três!

Primeiro, a ANATEL resolveu dizer "Eu existo!" e punir a Telefónica!

Segundo, uma grande empresa vai ser efetivamente punida em um país onde normalmente o úncio e constante prejudicado é o consumidor!

Terceiro, e o melhor, a Telefónica vai ser punida pelo seu serviço medíocre!

Situando os desavisados, a Folha noticiou há pouco que a ANATEL proibiu a Telefónica de vender assinaturas do Speedy a partir da semana que vem, por coisa de um mês!

A pena para descumprimento é de 15 milhões mais mil reais por assinatura habilitada!

Estou ansioso pelo comunicado oficial da Telefónica, sua humilhação pública e reconhecimento de sua falta de infra-estrutura e descaso!

A decisão é uma vitória para todos os usuários de internet, em especial os da Telefónica, mas esta decisão não é única, a Net já foi proibida no passado também de comercializar seu vírtua em Goiás, por prestar um serviço medíocre, ao estilo telefónica.
"Diante das inúmeras reclamações registradas em razão da má qualidade dos serviços prestados, o Procon em Goiás suspendeu temporariamente as atividades de comercialização de serviços da empresa NET Goiânia. Cerca de 60 mil domicílios cobertos pela empresa não serão prejudicados.

A partir de amanhã, 21, ficam suspensas a comercialização de serviços, a assinatura de novos contratos para telefonia fixa, TV por assinatura e internet banda larga, separados ou em conjunto. Desse procedimento instaurado, poderá vir uma ação coletiva de consumo, visando à compensação financeira dos consumidores prejudicados.

Até que sejam solucionadas as pendências, implantado um atendimento por telefone e presencial eficiente, melhorada a qualidade técnica dos serviços prestados pela empresa e solucionando os processos administrativos registrados no órgão por clientes, a suspensão será mantida."
A telefónica é péssima, mas não está sozinha, os serviço de banda larga no Brasil (que de banda larga em muitos casos só tem o nome, porque conexões de 128, 256 e 512kb são meras ofensas) é, como um todo, de péssima qualidade. Não há investimento sério, modernização, velocidade garantida, a prática de traffic shaping é uma constante, a prática de limitar a quantidade de dados é vergonhosa e, pior de tudo, os preços praticados no Brasil estão entre os mais caros do mundo, e de longe!

Resta saber se a suspensão da Telefónica ocorrerá de fato, se nenhuma jogada "legal" será tentada e se a empresa será efetivamente multada caso desrespeite a decisão. Aliás, cabe saber se realmente a Telefónica fará melhorias no sistema nesse período ou só fingirá.

----
Update:
Vale lembrar que no passado - fevereiro deste ano - o Ministério Públicou multou a Telefónica em 1 bilhão em uma ação pedindo
"o ressarcimento a danos materiais e morais causados a milhões de consumidores nos últimos cinco anos diante da má qualidade dos serviços prestados e violação dos direitos dos usuários". Até agora não ouvi falar neles pagando um centavo sequer...
-----
Anatel proíbe Telefônica de vender assinaturas do Speedy
colaboração para a Folha Online, em Brasília

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) vai proibir, a partir da semana que vem, a habilitação de novas assinaturas do serviço de banda larga Speedy. A medida, que tem caráter cautelar, será publicada no "Diário Oficial da União" na segunda-feira, 22.

A decisão deve durar até a prestadora comprovar para a Anatel que está tomando medidas para melhorar a qualidade do serviço e para coibir novas falhas. A expectativa da Anatel é de que isso seja feito em 30 dias. A empresa registrou seguidas panes nos primeiros meses deste ano.

Se descumprir a medida, a empresa pode ser punida com multa de R$ 15 milhões, além de R$ 1.000 por assinatura habilitada. Além disso, a Telefônica deverá publicar comunicado informando a situação aos consumidores.

A decisão teria sido tomada pelo conselho da agência em reunião na quarta-feira.

A Telefônica informou que "não teve conhecimento oficialmente" do caso, por isso não se manifestou.

Atualmente, a Telefônica tem cerca de 2,6 milhões de usuários do Speedy no Estado de São Paulo. No primeiro trimestre, foram cerca de 100 mil novas assinaturas, de acordo com a empresa de consultoria Teleco.

------
Comentários
5 Comentários

5 comentários:

Paulo disse...

Já estava na hora desta empresa medíocre se ferrar. Só espero que isso tudo não acabe em pizza como sempre acontece no Brasil.

Raphael Tsavkko Garcia disse...

Sei não, só de lembrar que a Telefónica foi multada em 1 bi e não pagou nem vai pagar...

João Aurélio disse...

Como tudo no Brasil se resolve no "Tapetão" o negócio é esperar. Tomara que isso vá adiante e a Telefonica pague pelos erros. Net banda larga no Brasil é lenda... enqnto o correto seria garantir 10% da velocidade em horários de pico, ela faz desses 10% velocidade padrão... raras vezes que libera 20 ou 25%...

Anônimo disse...

IUPIIIIIIIIIIIII

VIVAAAAAAAAAAA

TARDOU MAS CHEGOoooooooUUUUU

vamos todos ligar no 103 15 e pedir uma banda larga

caso consiga eles poderao pagar mais uma multinha

ou um trabalhinho a mais para o juridicoooooo deles

Anônimo disse...

Boa Anatel
so espero que não prejudique os assinantes ja existente
pois em muitos lugares a unica forma de recepção de sinal para internet
so é disponibilizada pela Telefonica

Camilo; Bragança Paulista

Postar um comentário